Como deixar de ser viciado na Internet


Cada vez vão surgindo mais pessoas viciadas em internet. Ficar muito tempo no computador pode conduzir a vários problemas físicos e psicológicos. Para além disso pode prejudicar as relações interpessoais e afetar o trabalho ou a escola.

Será que é uma boa escolha perder o seu tempo na frente do computador quando você pode aproveitar momentos com os seus familiares e amigos? Se você quiser combater este vício, saiba que é possível fazê-lo ao tomar certas atitudes com o objetivo de controlar o tempo que passa na internet.

Pode começar por ocupar seu o tempo livre com atividades alternativas como sair com os amigos ou ir passear o seu animal de estimação.

Este artigo vai apresentar algumas dicas de como evitar estar horas colado à tela e aprender a deixar de estar viciado na internet!

As dicas abaixo são excelentes para ajudar você que está “preso” no mundo da internet e está procurando forma de fugir disso. Apesar de ser algo útil no nosso dia a dia, é muito importante que não fique dependente daquilo que não interessa na internet! Saiba como pode perder esse vício maldito:

Determine um tempo limite

Ao contrário de outros vícios, a privação completa pode não ser a melhor solução, já que a internet é bastante útil em certos aspetos do seu dia a dia. Porém, você deve estabelecer qual é a duração adequada para esta atividade. Um bom começo é elaborar uma lista com todas as suas outras tarefas diárias, nomeadamente descansar e estar com os amigos e familiares, indicando o tempo previsto para cada ocupação. Não deve contar o tempo de uso quando são efeitos de trabalho/estudos.

Outra forma de reduzir o tempo gasto nesta prática passa por guardar o computador em um local onde não se cruze com ele a todas as horas. O facto de não sentir o computador a “olhar” para você já diminui a possibilidade de você ficar tentado a usá-lo.

Programar um despertador para sair do computador em determinado momento pode ajudar bastante. Por exemplo, antes de se sentar na frente do computador, defina um tempo limite, como uma hora. Desligue o computador quando o tempo terminar. Repita isso e comece a reduzir a quantidade de tempo que passa em cada site.

Provavelmente vai ser complicado no começo, mas com o hábito com certeza se vai tornar mais fácil.

Evite aplicativos e sites especialmente viciantes

Os jogos e as redes sociais costumam ser os principais culpados de ficarmos horas no computador. É uma boa ideia eliminar este tipo de aplicativos, se você já souber que vai ficar muito tempo lá. Outra forma é pedir a alguém que bloqueie o acesso à página.

Desativar as notificações de e-mail e aplicativos no celular, pois elas podem tentá-lo a usar a internet, é outra solução.

Encontre um grupo de apoio

O reconhecimento da obsessão pela internet está aumentando e, portanto, existem cada vez mais fontes de ajuda. Grupos de apoio podem recomendar estratégias para livrar se desse problema ou então fornecer a orientação sobre outras formas de ajuda. Investigue centros comunitários na região ou peça ajuda a uma pessoa de confiança, como um membro da família ou o seu médico, para encontrar um grupo de apoio próximo.

Faça um levantamento pessoal das coisas que são afetadas pelo vício

Elaborar uma lista das atividades que gostava de fazer e não faz por passar tanto tempo online pode revelar-se bastante útil. Esta lista não tem o propósito de fazê-lo se sentir mal, mas sim de o estimular a diminuir o tempo que passa a navegar na internet.

Utilize um computador público

Se você optar por usar um computador público, por exemplo num café ou numa biblioteca, vai-se sentir menos tentado a aceder a determinados sites que lhe roubam muito tempo. Geralmente, o uso destes computadores é limitado o que leva a que não passe horas e horas colado ao ecrã.

Ligue para as pessoas em vez de mandar mensagem

Telefonar para um amigo e convidá-lo para ir dar um passeio ou para ir beber um sumo é uma forma de se distrair e não passar tanto tempo ligado à internet. Se tiver que estudar, combine com alguém para o fazerem juntos em vez de fazer sozinho.

Encontre um hobby que não envolva as novas tecnologias

Inscreva-se num desporto, num clube ou numa organização. Saia para dar uma corrida à beira mar ou um passeio pelo campo. Não se esqueça de dormir e descansar o necessário. Informe-se sobre os eventos e atividades da região e participe!

Saia com os seus amigos: prepare uma ida ao shopping ou ao parque. Escolha um programa que lhe agrade, o importante é evitar locais com acesso à internet.

Ajude nas refeições

Cozinhe, de vez em quando, para a sua família ou amigos. Qualquer coisa que não o faça estar colado ao ecrã demasiado tempo, é com certeza uma boa escolha!

Outra situação que ajuda a resistir à tentação da internet: não coma em frente ao computador. Coma na mesa de jantar rodeado da sua família.




Recomendados Para Você:


Comente ou Deixe a sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *