Como deixar de gostar de doces


Como deixar de gostar de doces

Poderemos dizer um grande disparate, mas acho que ninguém dispensa doces. Ou conhece alguém que não goste? Alguns doces tornam-se mesmo um vício e nós rendemos nos facilmente para voltar a sentir cada dentada recheada deliciosa e cheia de açúcar.

Já aqui demos algumas dicas de como deixar de gostar e parar de comer doces , mas voltamos a fazê-lo pois sem dúvida que os doces estão no topo das tentações humanas e quem sofre irá ser o seu corpo e a sua saúde.

Resistir leva tempo e sobretudo força de vontade. Deixar de gostar de doces não é uma tarefa simples, principalmente se estivermos a ser seguidos por um nutricionista. Afastar esse pensamento delicioso do nosso cérebro para tentar reduzir o nosso peso e a percentagem de gordura do nosso corpo exige concentração e um controlo absolutamente duradouro.
Segundo os nutricionistas, um cardápio saudável é aquele baseado no consumo de fruta, vegetais, peixe e na ingestão da água. Dele saem fora as sobremesas como bolos e doces, bem como os refrigerantes, pois todos estes alimentos não naturais, estão cheios de açucares adicionados! Por outro lado, alguns estudos realizados também indicam que os doces podem provocar uma dependência semelhante as drogas.
Se quer deixar de gostar de doces não corte completamente a sua ingestão. É uma péssima ideia, acredite! Isso originaria um aumento do descontrolo e a desistir das práticas que o seu nutricionista lhe indica. Portanto, siga os nossos conselhos seguintes de como deixar de gostar de doces.

Registe um diário alimentar
A nossa primeira sugestão é registar um pequeno diário alimentar, no qual indica a quantidade que consume ao longo do dia, os nomes dos alimentos, o número de doces e possivelmente a sua frequência.
Evite limitar apenas a um só período o consumo dos doces, ou seja, comer doces apenas no período da manhã ou apenas no período da tarde, uma vez que isso levará ao efeito contrário e o consumo irá redobrar.
Com este diário poderá observar as suas tendência e analisar quais são os intervalos de tempo a que está mais vulnerável aos doces. Analise bem e comece a diminuir as suas quantidades. Se quiser também poderá optar por substituir os doces por outros alimentos sem açúcar ou menos calóricos como uma peça de fruta, frutos secos ou um iogurte sem açucares adicionados.
Esta tarefa é um pequeno passo para deixar de gostar de doces e adotar uma alimentação mais saudável. Com o tempo irá obter resultados extraordinários e duradouros, observando que está cada vez mais controlado em relação aos doces.

Substituições saudáveis
A melhor opção para substituir os doces é a fruta. Mas se realmente não aguentar esta substituição e voltar a cair em tentação, então sugerimos que tente substituir por gelatinas. No entanto, tente diminuir o seu consumo aos poucos e poucos e passar novamente para a fruta Mas não abuse, pois a fruta também contém um açúcar naturalmente presente (a frutose) que em excesso pode ser também um vilão para a sua saúde.

Diminua a ingestão de doces
Se tiver como hábito comer um doce todos os dias, reduza a sua ingestão por semana gradualmente. Em vez de 7 vezes por semana, tente passar a comer somente 5. Depois passe para 3 e, por fim, tente alcançar 1 por semana. Em pouco tempo deixará de gostar de doces e não dará tanto valor.
No entanto, jamais deixe de tomar alguma refeição ou diminuir drasticamente as porções que consome semanalmente. Isso só fará mais tarde saborear uma maior quantidade de doce durante a sua sobremesa. Além disso, também descontrolará a sua alimentação e favorecerá o acumulo exagerado de gordura.

Resista às tentações
Para deixar de gostar de doces, satisfaça o seu desejo nalgumas ocasiões. Reduza aos poucos a quantidade de doces que tem na sua despensa e, com o tempo, vai perder a perceção da quantidade que está a ingerir. Este método foi comprovado por vários nutricionistas para pessoas que queriam adotar uma alimentação mais saudável e nutritiva. Siga todas as nossas recomendações e melhore a sua qualidade de vida!




Recomendados Para Você:


Comente ou Deixe a sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *